• Antonio Alves da Cruz, meu avô materno

    Filho dos meus bisavós maternos
    Joaquim Alves e
    Anna Ferreira dos Santos.

  • Emília de Souza Moreira, minha avó materna

    Filha dos meus bisavós maternos
    Joaquim de Souza Moreira e
    Albina de Jesus Maia.

  • Casamento a 05/11/1921, sábado.

    Na Igreja paroquial do Salvador de Moreira (assento de casamento n.º 287/1921).
    Tiveram 6 filhos, a minha mãe e os meus 5 tios maternos:
    Joaquim Alves de Sousa Moreira (30/11/1923 - 03/02/2002), casado com Maria Rosa de Jesus (Moreira) nascida a 03/09/1928 e falecida a 26/01/2012;
    Altino Alves de Sousa Moreira (27/08/1925 - 02/08/2010), casado com Maria Amélia Lisboa de Azevedo (1934 - 06/11/1973);
    Luciano Alves de Sousa Moreira (07/04/1928), casado com Maria Cândida Faria da Cruz (Ermesinde, 1936);
    António Mário Alves de Sousa Moreira (26/10/1929), casado com Maria Helena Faria (Moreira) nascida a 10/08/1938 na freguesia da Bretanha do concelho de Ponta Delgada;
    Marília de Sousa Moreira Alves (27/06/1935), solteira.

1.ª fila, da esquerda para a direita:
meus tios maternos Marília de Sousa Moreira Alves e Altino Alves de Sousa Moreira (ainda solteiro), minha madrinha Domingas Gomes Serrano, meus pais, meu padrinho José de Oliveira Marques e a sua mãe Alexandrina Figueiredo (tia materna do meu pai).
2.ª fila, da esquerda para a direita:
meus avós maternos Antonio Alves da Cruz e Emília de Souza Moreira, o casal Gabriela Cardoso e Josué das Neves (irmão do meu pai, meu tio paterno) e no fim, o tio materno e padrinho da minha mãe, Antonio de Souza Moreira.

Antonio Alves da Cruz, meu avô materno

Nasceu cerca das 04:00 de 21/08/1891, sexta-feira, na casa n.º 423 do lugar de Real na freguesia de Moreira do concelho da Maia.

Foi batizado 13/09/1891, domingo, na Igreja paroquial do Salvador de Moreira pelo padre Antonio Antunes d' Azevedo que era o Reitor da freguesia (assento de batismo n.º 55/1891), tendo sido seus padrinhos:
o seu avô paterno e meu tetravô materno Antonio Alves, viúvo de Francisca Ribeira Alves há mais de 2 anos (desde cerca das 02:00 de 03/04/1889) e com 69 anos, analfabeto e lavrador que vivia na casa n.º 363 do lugar de Real na freguesia de Moreira do concelho da Maia;
a sua avó materna e minha tetravó materna Joaquina (Moreira) da Silva Ferreira, casada com Francisco Ferreira dos Santos e com 50 anos, analfabeta e lavradora vivendo ambos nacasa n.º 315 (a casa do Bulgo) do lugar de Real na freguesia de Moreira do concelho da Maia.

Faleceu com 80 anos cerca das 07:00 de 04/12/1971, sábado, na casa n.º 242 do lugar de Gontão (o antigo lugar de Gontão de Baixo) na freguesia de Moreira do concelho da Maia.

Foi sepultado na tarde de 05/12/1971, domingo, no jazigo-capela n.º 3 (3.º compartimento do lado direito) do cemitério público de Moreira.

Emília de Souza Moreira, minha avó materna

Nasceu cerca das 02:00 de 13/02/1893, segunda-feira, na casa n.º 242 do lugar de Gontão (no antigo lugar de Gontão de Baixo) na freguesia de Moreira do concelho da Maia.

Foi batizada 12/03/1893, domingo, na Igreja paroquial do Salvador de Moreira pelo padre Antonio Antunes d' Azevedo que era o Reitor da freguesia (assento de batismo n.º 22/1893), tendo sido seus padrinhos:
Antonio Jorge da Silva, casadoanalfabetolavrador;
a mulher do seu tio paterno Antonio de Souza Moreira, Lucinda Vieira d' Ascensão Cruz, viúva há mais de 10 anos (desde cerca das 21:00 de 22/11/1883) e com 36 anos, lavradora que sabia escrever e vivia na casa n.º 282 do lugar de Couço na freguesia de Moreira do concelho da Maia.

Faleceu com 85 anos15/11/1978, quarta-feira, na casa n.º 242 do lugar de Gontão (no antigo lugar de Gontão de Baixo) na freguesia de Moreira do concelho da Maia.

Foi sepultada na tarde de 16/11/1978, quinta-feira, no jazigo-capela n.º 3 (2.º compartimento do lado direito) do cemitério público de Moreira.